Missão

 

1 - Apoiar os Municípios nas políticas de desenvolvimento, geradoras de valor económico e social sustentado e sustentável através da avaliação, incentivo e acompanhamento do desempenho comparado dos municípios e freguesias portugueses.


2 - Promoção do crescimento inteligente, sustentável e inclusivo em territórios administrativos, através de práticas de gestão da qualidade internacionalmente validadas e reconhecidas (ISO 18091:2014):
 

     1. Capacitação institucional - para uma boa Governança Estratégica Local:
                  a. Governo Responsável (Sistema de Gestão da Qualidade);
                  b. Governo Participado (envolvimento da comunidade);
                  c. Governo Inclusivo (transparência, integridade, partilha de informação e Responsabilidade Social);
                  d. Governo Tecnológico (uso sistemático das TIC’s, para a gestão administrativa, financeira, segurança e interatividade com as “partes interessadas”).

 

      2. Desenvolvimento Sustentável (vertentes Económica, Social e Ambiental):
                  a. Económico:
                                            i. Economia (Formação, Emprego e Empregabilidade; Segurança Alimentar; Agricultura, Indústria, Comércio e Serviços);
                                            ii. Mobilidade (acessibilidades, rotas de comunicação e de interatividade);
                                            iii. Turismo (notoriedade, tangibilidade e coesão)
                  b. Social:
                                            i. Serviços públicos (Saúde, Educação, Cultura, Desporto e Lazer);
                                            ii. Inclusão Social (Ética, Integração e Igualdade de Género);
                                            iii. Equidade Social (Cultura de Responsabilidade Social; da Saúde Pública; da Preservação da Cultura Identitária).
                  c. Ambiental:
                                            i. Educação (Recursos naturais – Ar, Água e Solos; Pessoas e Património Histórico-cultural);
                                            ii. Preservação (ecossistema, ordenamento do território e imagem);
                                            iii. Promoção (da Economia Verde [Resíduos, Reciclagem e Renováveis]);
                                            iv. Controlo (Qualidade do Ar, Água, Solo e Economia Verde).

Proposta de Valor:

  • Desenvolver talento e sociabilidade comunitária;
  • Dinamizar capacidades individuais e institucionais;
  • Potenciar recursos;
  • Tratamento de informação de apoio à decisão (através da interatividade com as partes interessadas);
  • Controlar, em tempo real, o “estado de arte” da autarquia;
  • Desenvolvimento da Diplomacia Económica Municipal.